quinta-feira, 1 de maio de 2014

Mais que buá, além de blá blá blá



Tia:
—Comeu o chocolate, Isaac?
Isaac:
Comei.
(...)

Ao percorrer  uma loja de departamentos, encontro uma criança ziguezagueando entre corredores de cabides, parecendo desviar-se de mim, a qual diz:
—Pare de me sigue!

Nesses casos, seria realmente necessário o uso do "(SIC)"?!
Luft, em seu livro Língua e liberdade, nos informa que os aparentes erros linguísticos observados nas expressões infantis são, na verdade, hipóteses sendo testadas.
Ah, essas crianças e suas conjugações igualmente maravilhosas !
                                                                                                                                         (RoSmile)

Nenhum comentário:

Postar um comentário